Sexo

Primeira vez engravida? Vamos explicar o que você precisa saber!

A primeira vez é sempre cercada por uma série de dúvidas e descobertas, afinal, é uma nova experiência na vida que acabará ficando na memória por muito tempo. O certo é que o sexo além de ser bom, ainda faz muito bem à saúde, e isso vale para as diferentes idades, todavia, ao mesmo tempo pode se transformar em um verdadeiro problema, principalmente entre os mais jovens.

E junto com esse ato ainda existem diversos mitos que povoam o pensamento coletivo, sendo necessário desmitificar alguns deles para que a pessoa se sinta mais segura na hora H, o primeiro deles é sobre a gravidez, afinal, a primeira vez engravida? Especialistas afirmam que sim, de acordo com Arlete Gianfaldoni, doutora assistente do Hospital das Clínicas de São Paulo (em entrevista ao portal G1) em qualquer relação sexual entre um homem e uma mulher onde não for tomadas medidas preventivas corre-se o risco de haver uma gravidez, esse é um dos motivos do preservativo ser tão importante.

Medo de engravidar na primeira vez

Muitas meninas e meninos não ficam à vontade durante a primeira vez justamente por conta desse receio de ocorrer uma gravidez indesejada. Antes de qualquer coisa, ao decidir em ter a primeira relação sexual é muito importante que tanto a menina quanto o menino tenha a certeza de que chegou a hora certa, e que a pessoa escolhida realmente é a adequada, em caso de dúvidas sobre um desses questionamentos, o ideal é não ir até o final.

O passo seguinte é trabalhar esse medo de engravidar na primeira vez, tomando as medidas certas, esse risco é praticamente nulo. O mais recomendado é fazer uma visita ao ginecologista, esse profissional poderá receitar um anticoncepcional ideal para o biotipo, estilo de vida e idade da paciente, porém, sem deixar de lado o uso da camisinha que além de ajudar a não engravidar, ainda protege contra doenças sexualmente transmissíveis.

Lógico que alguns pontos podem ocorrer durante a primeira vez, como, por exemplo, um pequeno sangramento devido o rompimento do hímen, mas a dor é praticamente nula, o importante é aproveitar o momento, e fazer dessa experiência algo único e que você vai levar para o resto da vida.

Risco de engravidar na primeira vez

Muitas meninas e meninos costumam pensar que o risco de engravidar na primeira vez é maior do que na segunda, terceira, etc., essa afirmação é completamente errada, na verdade, em toda relação sexual entre um homem e uma mulher há o risco de uma gravidez se não forem adotadas medidas preventivas, e se ambas as partes forem saudáveis e não tiverem nenhum problema com relação à fertilidade.

Essa é uma dúvida que deve ser descartada, não existe nada cientificamente comprovado de que durante a primeira vez é mais provável que a menina engravide, as probabilidades são as mesmas das demais.

engravidar na primeira vez

É possível engravidar na primeira vez tomando anticoncepcional

O métodos anticoncepcionais, em especial as pílulas, são muito eficazes, mas assim como outros medicamentes existe aquela margem de erro que pode fazer com seja possível engravidar na primeira vez tomando anticoncepcional, e o responsável é um grande número de fatores que acabam fugindo do controle.

Nos primeiros meses de uso do anticoncepcional, em especial os três primeiros meses, existe uma espécie de adaptação do corpo ao medicamento, na prática, pode ocorrer algum tipo de “mal funcionamento” do remédio, e nesses momentos pode haver uma gravidez, essa é uma das razões que faz com que o uso da camisinha juntamente com o anticoncepcional seja altamente recomendado.

Outro fator que faz com que haja uma possível gravidez é o fato da mulher começar a usar a cartela de remédio de maneira errada, ou seja, sem aguardar a vinda da menstruação, pode acontecer da mulher já está grávida quando começa a ingerir o medicamento, e se esse for o caso, a gravidez já foi consumada.

Também é muito importante que a pílula anticoncepcional seja tomada da maneira correta, ou seja, um comprimido por dia no mesmo horário, sendo que a pessoa não pode se esquecer de maneira nenhuma, pois corre o risco desse descuido ser sinônimo de gravidez. Além do mais, seguir as recomendações do médico e fabricante sobre o período entre uma cartela e outra é muito importante para que o efeito do remédio seja realmente percebido.

Veja também um vídeo sobre o assunto:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *